O blog

Meu avatar aparece normal nas respostas dos comentários. O de alguns leitores também. Se seu email estiver cadastrado no gravatar ou no wordpress, ele deveria aparecer normalmente.

O horário dos posts ainda não aparece. Vou ver isso. No final de cada post tem vários ícones, inclusive para twittar o link do post.

Já consegui colocar os selos do The Bobs de volta. Aos poucos vou arrumando a casa. As cortinas sempre ficam por último. O que a gente não pode é ter pressa, ficar ansioso. Sair por aí julgando a tudo e a todos porque uma coisa ou outra não está como esperávamos.

Aliás, é a expectativa que atrapalha tudo. Quanto mais se espera, pior. Porque se a realidade corresponde ela não faz mais do que a obrigação e se não corresponde, decepciona. Então, que vida é essa que pretendemos para nós mesmos com tanta expectativa, se o outcome só pode ser esse?

Estou trabalhando muito, muito mesmo. Mas estou feliz e querendo acertar. E, por incrível que pareça, estou calma. Isso é a base de tudo. Com tempo, as coisas se ajeitam.

Anúncios

Como é que é?

[r7video http://videos.r7.com/senado-aprova-lei-que-limita-cursos-simultaneos/idmedia/8f83a9e60d3c6636c2759aa5e8545b3e.html%5D

O assunto é polêmico. Mas eu acho muito estranho que se invista tempo em impedir que uma pessoa faça dois cursos simultâneos em universidades públicas. Se a pessoa abandonar o curso a vaga deveria ser remanejada. Mas impedir que alguém faça dois cursos? Se ela passou legitimamente, fica estranho.

Estou esperando um argumento melhor que o meu.

Premiados

O blog mudou de endereço. E de plataforma. (WordPress!) Mas eu, a comunidade de leitores e as promessas continuamos todas iguais. Por isso mesmo, com um pouco de atraso e muito garbo, eis a lista de premiados com a webcam de alta definição, que participam do Concurso Cultural Skype. Parabéns.

Nomes dos quatro vencedores da segunda rodada do concurso ‘Coisas Legais para Fazer via Skype’.

Mirna Oliveira – Conheceu o namorado durante as férias, mas os dois mantiveram o contato via Skype e estão juntos desde 2007.

Priscila Oliveira – Faz reuniões com os amigos espalhados pelo Brasil via Skype.

Henrique Gall – Chamadas com vídeo com o amigo para comer uma pizza.

Raquel Santos – Churrasco de aniversário para o filho João com a família toda aqui, e ele na Nova Zelândia.

Dia da secretária

Estou praticamente atrás de uma parede de flores. Hoje é dia da secretária (parabéns a você, se for o seu caso) e a Simone recebeu vasos e mais vasos, arranjos e mais arranjos.

Visualmente, acho tudo lindo. Infelizmente tenho alergia a alguns tipos de flores. Acho que é o pólen. E, de vez em quando, tenho uma crise de espirros.

A parte boa é que tem uma redação inteira pra me desejar saúde!

Senhas

Então, não me pergunte como aconteceu. Fui viajar e fiquei sem usar a senha do  meu banco. Quer dizer, uma das muitas senhas dos vários bancos. E, como você bem sabe, são muitos os logins e passwords que uma pessoa “moderna” tem.

Não me lembro. Não faz sentido. Sei que posso avisar o banco e pedir outra. Mas eu tenho esperança que eu me lembre da combinação.

Eu me lembro, por exemplo, da senha anterior a esta. E da anterior à anterior. Lembro também que, por alguma razão de segurança eu mudei tudo. E é só.

Todos os dias entro timidamente num caixa eletrônico, tento uma senha e…nada. Não é. Agora há pouco, fui abastecer o carro o posto e tentei mais uma vez. Cheguei a sonhar com a senha. Nada.

Realmente, ou são os primeiros sinais de senilidade ou minha cabeça está sobrecarregada…

UPDATE – Fui ao terminal eletrônico do banco. Tentei passar o cartão. Deu erro. E meu cartão foi bloqueado. Liguei para o banco. Mas para ser atendida, adivinhe, eu tenho que digitar agência, conta e…senha! Aqui estou, no limbo das senhas, tentando abrir a gaveta com a chave que está trancada dentro dela. Sem cópia.

Palestra

Está na minha agenda há algum tempo: dia 30 de setembro, palestra na Young & Rubican sobre Twitter. A convite do meu amigo Walter Longo. Vou tentar sintetizar tudo o que penso sobre a ferramenta como se fosse um disco de pizza e cobrir com o molho das novidades que captei na conferência em Los Angeles. Adoro organizar palestras. Ajuda a arrumar as informações na cabeça. Porque, você sabe, é na hora de ensinar que a gente realmente aprende.