Pecado capital

capital

Entrei no Google e digitei ‘qual é a capital d…’. Os dez resultados que apareceram foram esses. E aí eu te pergunto, como diria o Marcelo Resende: você sabe as dez respostas?

Tente. Depois, confira aqui.

E depois, confira seus conhecimentos de geografia fazendo este teste. Não tenha medo. Na pior das hipóteses você vai errar alguma coisa e aprender a resposta certa depois.

GH03 – Google x Humanos – Onde comprar

Todo mundo quer comprar alguma coisa. Vivemos num mundo capitalista. Até quem era comunista virou consumista. Queremos comprar coisas para ter mais conforto, mais status, mais diversão. Entrei no Google Brasil e digitei ‘onde comprar…’.

ondecomprar_gh

O resultado com maior número de ocorrências é “onde comprar iPhone”. Intrigante. iPhone é um celular e celular você compra em qualquer loja de qualquer operadora. Ou loja de…celulares.  Onde comprar iPhone é o de menos. Eu queria que o Google dissesse ‘quem gostaria de pagar um iPhone novo pra mim’. Sigamos.

A partir do segundo resultado a coisa pega. Ração Humana? Ah, sim, mais uma promessa de emagrecimento rápido, indolor e natural. Como se. Tudo bem, eu acredito em coisas naturais e saudáveis, eu só não acredito em soluções milagrosas permanentes embaladas como ‘novidades’. Certamente alguém vai explicar, defender a ração humana, mas tudo precisa de acompanhamento médico e de queima de calorias com exercícios. Milagre é nascer com o corpo da Gisele Bundchen, o resto é batalha.

Infelizmente nós humanos somos assim, queremos soluções mágicas para a vaidade. A gente vê isso pelos outros resultados de ‘onde comprar’: sibutramina, creatina, tribulus terrestris (essa foi surpresa total para Bia Granja e pra mim, quando fizemos a primeira pesquisa. Nunca tinha ouvido falar nisso!), pholiamagra, modafinil. Ou é remédio, ou é erva ou é bomba. O brasileiro não gosta de ciência ou medicina, gosta de farmácia.

Não, não condeno ninguém, quem sou eu. Vivendo permanentemente acima do meu peso ideal, eu também já fiz as coisas mais estúpidas do mundo para emagrecer. Um dia eu vi uma reportagem sobre uma erva ‘milagrosa’ num vídeo e,,imediatamente, googlei pra comprar online a ‘erva’ mostrada. Depois eu pensei: e quem disse que esses remédios contêm o que eles prometem? Quem garante que eles funcionam? Nem cheguei a testar direito, porque realmente fiquei me sentindo uma estúpida. Com tanta informação, tanto acesso, por que fazer uma coisa sorrateira e idiota, comprando uma bobagem desconhecida (ou perigosa?) sem consultar ninguém? Bom, aí entramos em outra seara mais complexa.

Também não entendo a procura tão grande por gelo seco. Não me diga que emagrece??

De qualquer forma, ‘onde comprar’ no Google Brasil, mostra o que o ser humano quer: ele quer comprar a beleza, comprar a magreza, comprar a felicidade. Ou seja, ele quer pagar pra ter aquilo que dá trabalho de conquistar a longo prazo com equilíbrio.

Ah, esse Google. Sempre lembrando os humanos das nossas imperfeições…

GH02 – Google X Humanos – Tamanho

Entrei no Google do Brasil e digitei…”qual o tamanho”. Imediatamente a lista foi preenchida.
Primeiro resultado: qual o tamanho ideal de um PENES. Sério, escrito assim. Eu não sei qual o tamanho normal de um pênis, mas escrever “penes” eu sei que não é normal. Mas corrobora minha tese. Minha e do Fernando Tucori. Temos uma tese de que as pessoas menos letradas acham que o ‘i’ é coisa de pobre. E que a letra ‘e’ é muito mais chique do que o ‘i’. Faz sentido. O i nem vogal é. É só uma ‘semi-vogal’. Coisa de pobre. Por isso muita gente troca o ‘i’ pelo ‘e’ para ‘parecer mais sofisticado’.  E saem cantando o Hino Nacional:

– GEGANTE pela própria natureeeeza!

Também é comum ouvir palavras como ‘hepocresia’, uma suposta sofisticação de hipocrisia. Daí o ‘penes’ no lugar do ‘pênis’.
E não é uma ocorrência isolada, não. Em dez resultados tem o já mencionado  ‘qual o tamanho normal do penes’ e também o ‘qual o tamanho IDEAL do penes’.

Bom, pra sorte do pênis ele não está sozinho na parada. O útero também aparece por lá. Espero que eles se encontrem de alguma forma, embora eu não consiga compreender por que tanta gente pesquisa para saber qual o tamanho normal do útero.

O que eu não imaginava é as dúvidas sobre as dimensões dos órgãos sexuais/reprodutores estivessem pau a pau com as de astronomia. Além do útero e do ‘penes’, há muita procura pelo tamanho do sol, da lua, da terra e do Universo.

Depois do sexo e univero é a vez surgem as coisas mais triviais. O tamanho de uma folha A4,  uma capa de DVD e do background do Twitter.

Aprendi mais algumas coisas sobre o ser humano. Abaixo,  o screenshot da pesquisa, que muda com o tempo, mas pode ser reproduzida agora, sem útero e sem penes, apenas com o clique do seu mouse no www.google.com.br

tamanhoideal

Ah, sim, já ía me esquecendo:
– Qual o tamanho do Universo?
Cliquei para ver a resposta: o universo visível tem 14 bilhões de anos-luz de raio, como observou o querido leitor Deco Ribeiro
Não sei se é o tamanho ideal para um universo, mas deve ser maior do que um ‘penes’.

GH – Google X Humanos

Há mais de um ano, Bia Granja e eu começamos um projeto de um livro. O tema básico era o Google Suggest, uma ferramenta do buscador que preenche o campo onde digitamos de acordo com expressões mais buscadas por outros usuários na mesma língua. O Google mudou seu algoritmo e desistimos do projeto. Mas o fascínio pela ferramenta continua. Muita gente faz isso na rede, não é uma ideia original. Mas é bem divertida.

Em nome da deliciosa aproximação que o Google proporcionou, começo aqui o ‘quadro’ GH – Google X Humanos, para mostrar como nós, humanos, brasileiros, usamos o Google. O que buscamos. Como buscamos. E o que revelamos sobre nós em nossas buscas. Nossos desejos, pensamentos, raciocínios, dúvidas, medos e tudo mais. Bem-vindo.

GH-01 : como eu faço para…

Entrei no Google.com.br e digitei: como eu faço para… Os dois resultados com maior número de pesquisas estão em vermelho:
1) ‘como eu faço para baixar músicas – com 5.330.000.o00
2)’como eu faço para colocar foto no quem sou eu do orkut” – com 5.230.ooo.000


comoeufacopara

Mas eis que surge, no final, ‘como eu faço para roubar na colheita feliz’. Roubar na colheita feliz?
Fui adiante e digitei ‘como eu faço para roubar…’ e encontrei o seguinte: UM resultado para roubar Orkut. E os outros 9 procurando como roubar na colheita feliz:

roubarnacolheitafeliz

Ou seja, entre os 10 resultados mais buscados para a expressão ‘eu quero roubar…’ no Google, 9 querem roubar na Colheita Feliz. Bom saber.

Ps – Leia mais sobre o Google Suggest aqui.