O melhor vídeo do mundo: macaquinho injustiçado

A palestra “Frans de Waal: Comportamento moral em animais” do TED Talks, já foi vista por 1.2 milhões de pessoas. É realmente muito legal. O palestrante, Dr. Frans B. M. de Waal é biólogo, especializado em primatas, é um sábio humilde com senso de humor. E o assunto é apaixonante.

Porém, como o vídeo inteiro da palestra tem 17 minutos, talvez você deixe para vê-lo depois, com legendas em português.
Pule o vídeo e vamos ao que interessa, o que trouxe você aqui pelo título.

http://embed.ted.com/talks/lang/pt-br/frans_de_waal_do_animals_have_morals.html

OS MACACOS CAPUCHINOS E O PAGAMENTO INJUSTO

Dois macaquinhos capuchinos, conhecidos por serem tolerantes e cooperativos, estão em duas jaulinhas transparentes. Cada vez que o macaquinho dá uma pedra para a cientista, ela dá uma recompensa para ele, um pedaço de pepino.

Os macacos adoram pepinos. Mas adoram muito mais…uvas.

Só que… para testar o ‘senso de justiça’, pela mesma tarefa (dar a pedra) ela dá pepino pra um e UVA pro outro. Que vê a injustiça.

Veja como esse primata tolerante reage diante de tamanha INJUSTIÇA!

Melhor vídeo desse mundo injusto!

Vídeo na Internet não é mini-programa de TV

Dar aulas é legal. Você tem espaço para compartilhar conhecimento, experiência, informação e opinião e receber de volta a coisa mais preciosa do mundo feita em ambiente civilizado: crítica.

Alunos, geralmente bem mais jovens que o professor, trazem o frescor de uma visão energética e a percepção de um ponto de vista que os mais maduros talvez já não frequentem. A troca é sempre enriquecedora pra todos.

Estou pensando em falar sobre esse tema na próxima aula de roteiro, que fazer vídeos, episódios, programetes na Internet não é fazer uma “mini televisão” on demand. Pode até fazer, mas tem algo que não bate. Vou explicar meu ponto de vista.


A televisão é broadcast. É uma emissora. De um determinado ponto a emissora emite seu sinal. As retransmissoras retransmitem. E o povo assiste. A televisão, da forma como foi concebida originalmente, não interage. Não vê e não ouve sua audiência. A audiência (que vem do rádio, de áudio, como sempre lembra o Antonio Guerreiro) é passiva. A TV pauta, expõe de forma pública e o público assiste passivamente. Esse sempre foi o modelo da TV. Seu poder é imenso porque seu alcance é nacional e o número de receptores no Brasil é maior que o de geladeiras (IBGE). “Estar” ou “aparecer” na TV faz da pessoa, marca, produto um sucesso quase instantâneo. E sucesso gera privilégios e benefícios, coisas que todo mundo quer. Talvez esta seja a explicação pro sonho/desejo/ilusão de tanta gente: ser famoso. Não é ter uma arte, uma obra e obter sucesso. É só ser famoso por existir. É o sucesso que vem apenas da exposição às luzes e às lentes.

E A INTERNET?

A web é diferente. Ela não tem hierarquia. Todo mundo é um perfil, tem uma página, uma url, um endereço. Todos se alcançam e interagem. Somos palco e plateia, emissores e receptores. Os conteúdos se alternam nas muitas telas, aplicativos, formatos. É absolutamente diferente. As possibilidades são muitas, dá até vontade de dizer “infinitas”.

 

E NO ENTANTO…

 

Por limitação de produção, direitos autorais, por falta de imaginação, vontade e tantos outros fatores, muita gente fica presa ao modelo da TV, mesmo estando na WEB!

E faz entrevista igual à TV.

E faz pauta igual à da TV.

E se porta  igual aos apresentadores de TV.

E reproduz cenários e ambientes como se fosse uma micro TV.

 

Não, né. Isso é INTERNET, não é um LEGO da TV, um mini mundo da TV em pixels quadradinhos!

 

Pra não falar mais, posto aqui o vídeo da INTEL que o TonyMarlon mandou pra mim. Assista e veja se dá pra comparar WEB com TV.

 

 

 

 

 

http://embed.videolog.tv/v/index.php?id_video=761740&width=640&height=360&related=&hd=&color1=ffffff&color2=ffffff&color3=ff6600&slideshow=true&config_url=&

Incrível vídeo da Intel por queridoleitor no Videolog.tv.

Quer dizer, fazer vídeos pra Internet fazendo entrevistas, povo fala, com microfone na mão, brincando de I wanna be famous na TV, não é a revolução. 🙂
Não é estamos ‘fazendo errado’, mas estamos fazendo menos, abaixo, muito aquém do que a Internet permite.

Vamos agilizar as ideias, gente. Mais que pensar fora da caixa é agir fora do retângulo da tela. É ultrapassar a timeline e se jogar no mundo não-linear!!

Veja a confusão que levou Rita Lee para a delegacia

1. As notícias

Rita Lee é presa depois de show na Atalaia Nova

Em depoimento, Rita Lee diz que agiu de forma emocional

2. Os Tweets com os vídeos (obrigada! @celialomillos)

E o Tweet original do @adelsonjunior80, publicitário de Aracaju que subiu o vídeo.

3. O Vídeo

Obrigada, adelsonjunior80

http://embed.videolog.tv/v/index.php?id_video=747786&width=560&height=315&related=&hd=&color1=&color2=&color3=&slideshow=&config_url=&

Rita Lee – confusão em Aracaju por queridoleitor no Videolog.tv.

4. Tweet da ex-senadora Heloisa Helena

5. Tweet da Rita Lee

. Outros vídeos

Md13informática – Rita Lee falando

MD13informática – Rita Lee falando que tem paranoia

Mais um vídeo do mesmo canal, conteúdo completo.