50 graus

Giovanni, meu sócio, está em Madri, a trabalho pela Synapsys. Saiu de SP ontem,, 30 graus de calor. Chegou lá com 20 abaixo de zero. Hoje, pelo MSN ele disse que estava gripado e ia na farmácia. Pudera, 50 graus de diferença em algumas horas, não há quem possa.

Anúncios

Quem disse….

…que workaholic consegue adormecer as dez da naoite? aqui estou, na cama, laptop no colo, quase dormindo, conectada em bluetooth pelo celular, buscando um fio de ligação com o mundo. De longe, ouço celebrações do futebol. acho que o palmeiras também marcou um gol.

Xixi

Já ouvi falar, já vi matérias, já li. Mas saber que existe gente que realmente toma xixi pra pele ficar bonita é uma coisa estranha. Uma amiga me contou que conhece uma moça que todo dia toma xixi de manhã. Supostamente, a pele fica linda. Além de tomar ela também passa xixi na pele para tirar manchas. Não sou capaz de opiniar sobre uma técnica antiga e blá blá blá. Mas mesmo sem conhecer, não posso negar que de alguma forma isso me causa um curto-cirtuito óbvio. Mas não vou ofender ninguém nem falar mal da terapia. Sabe, a gente nunca pode dizer ‘deste xixi eu não beberei!’

PS – para ler sobre o assunto é só pesquisar ‘urinoterapia’. No google, no search engine de sua preferência ou, digitando no seu browser e clicando. Experimente. No lugar do endereço do site, você escreve urinoterapia e dá enter.

 

Jornal Nacional

Ligo a TV e, exatamente neste momento, o JN mostra o video gravado no supermercado onde o juiz assassinou o vigia, tema do post anterior. Depois, vejo a viúva. A matéria acaba e é seguida dos assassinos da freira no Pará. É tanta morte, tanta tristeza, tanto crime, tanto problema que dá vontade de sair correndo. Calço o tênis, visto uma roupa de esporte e decido: é isso mesmo que vou fazer. Sair correndo.

À queima-roupa

Quando a gente ouve falar, lê, vê, toma conhecimento de um crime como este, um juiz que por motivo torpe, como diz a lei, assassina um vigia sem mais nem menos, com um tiro na nuca, mesmo com a vítima implorando por sua vida, muitas dúvidas povoam nossas almas. Por quê? Pra quê? Como? É um caso isolado? O mundo enlouqueceu? O ser humano tem cura? Qual o sentido de tudo isso? Quando um ser humano comete uma atrocidade assim, quando uma pessoa culta e esclarecida usa de um poder estabelecido para sacar de uma arma e assassinar friamente um trabalhador inocente, um pouca nossa certeza morre também. Temos medo de nos projetar em qualquer um dos dois. Medo de ser assassinados sem motivo, medo de que ‘esta coisa incompreensível’ que pode ter se apossado daquele homem, também se aposse de nós.

Será que é verdade que qualquer ser humano é capaz de matar? Será que sob determinadas condições todos nos podemos nos tornar assassinos?

Uma coisa é certa. E também aprendi isso com minha amiga que é budista: todos os fenômenos são dependentes de causas e condições, sabemos disso porque o Tataghata, (Buda) o Grande Asceta Que Fala a Verdade disse: “o que não depende de causas e condições, não existe”

De alguma forma, aquelas condições e as causas envolvidas, existiram e levaram a isto.

 

Bolinha de gude

O PT cheio de problemas, a rainha mãe zangada com o casamento do filho, Rubinho Barrichello chateado, Ronaldinho jururu, Tati expulsa do BBB, Tite desempregado e eu aqui, lotada de trabalho e falando de bolinha de gude. Vida louca. Mundo insano.

Fato é que eu adoro bolinhas de gude, são perfeitas, lindas, divertidas. Contanto que ninguém engula nenhuma, tudo fica mais bonito com bolas de gude, de abajures a pias.

Há muitos sites, fotos, tudo na rede. Procure por Marbles. Uma mais linda que a outra. E tão nostálgicas. Eu tenho muitas bolinhas de gude em casa. Adoro-as. Só dá problema quando alguém deixa cair umas no chão e você pisa com salto anabela. Mesmo assim, é bom para o orçamento familiar dos ortopedistas.